Loading...

sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

Exercícios e Mendicamentos na Terçeira idade

Exercícios na terceira idade


           É um fato bem conhecido que a prática regular de atividades físicas sob controle médico é fundamental no controle de diversas doenças como por exemplo as doenças do coração. Na terceira idade a atividade física regular assume grande importância. Observa-se que os idosos que praticam esporte possuem melhor capacidade física e melhor resistência às doenças cardiovasculares que idosos sedentários. A prática de exercícios leva também a um estado melhor de ânimo com melhora da disposição física e do humor levando a significativo aumento da média de vida.
           Observa-se que a atividade física com freqüência e regularidade atinge resultados superiores a utilização de medicamentos em muitas situações médicas comuns como a pressão alta. As melhores atividades para a terceira idade são as dinâmicas com destaque para as caminhadas e a natação em água aquecida.

A Utilização de mdicamentos na terceira idade


           A grande maioria dos remédios é produzida baseada em estudos realizados em pessoas jovens. Na terceira idade o comportamento das substâncias químicas é diferente daquelas que ocorrem com os jovens, muitas vezes produzindo efeitos indesejáveis. O idoso logo, está mais sujeito a efeitos colaterais e freqüentemente apresentam novos sintomas decorrentes da medicação o que pode confundir o quadro clínico.
           O uso de medicamentos deve ser criterioso, evitando-se a utilização concomitante de várias substâncias e sempre ser feito sob prescrição médica. A dosagem também deve ser bem controlada.
           Na Terceira Idade a utilização de medicamentos é muito alta, cerca de 25% dos remédios vendidos. Nesta faixa etária, há uma tendência elevada à automedicação, além do uso continuado e sem critério. O uso de remédios caseiros, como laxantes, antiácidos, vitaminas, anti-gripais, etc., podem levar a efeitos indesejáveis, quando associados a outros medicamentos, e isso pode acontecer sem o conhecimento do médico. A utilização rotineira do álcool pode levar a conflitos com os medicamentos prescritos.
           Não deve-se tomar remédios receitados para outras pessoas esperando obter os mesmos resultados. Nunca deve-se tomar medicamentos com data vencida.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário